Ganho de peso na gestação

Fonte Instituto RV – Dra. Karin Paciulo

Tenho atendido no consultório um grande numero de gestantes (adoro!). Acho que ando “atraindo” gestantes depois que fiquei grávida rsrs.
O que percebo é que, a grande maioria das grávidas, buscam a nutrição com objetivo apenas de não ganhar muito peso na gravidez. Durante á consulta esclareço que essa não é,de forma nenhuma, a unica preocupação quando temos um acompanhamento com nutricionista durante essa fase tão importante da vida da mulher e do bebezinho que ela carrega.
Mas falando em peso, sempre ressalto que ganhar peso faz parte da gestação, faz parte do processo de formação do bebe. Nosso corpo passa a ser apenas uma “casinha” para gerar essa vida que está dentro de nós e tudo, absolutamente tudo no corpo trabalha em favor do bebê.
Não tem jeito, a transformação do corpo da mulher é inevitável! É claro que o ganho de peso deve ser controlado por uma questão de saúde para a mamãe e o bebê, mas ganhar peso não é opcional, é NECESSÁRIO! Há mulheres que fazer dietas restritivas na gravidez, com medo de engordar, e isso prejudica demais a formação do feto.
Por isso sempre digo ás minhas gestantes, esqueçam a questão estética nessa fase. A gravidez por si só já nos deixa lindas! O importante é se alimentar com consciência, de forma nutricionalmente equilibrada, saudável. E o ganho de peso será também de forma adequada e saudável.
Para tirar dúvidas, temos uma referência que indica quanto em média a mulher deve ganhar de peso na gestação, de acordo com o IMC que ela estava quando iniciou a gestação:

Gestantes que engravidaram c/ baixo peso (IMC até 18,4kg/m²) – 12,5kg á 18kg

Gestantes que engravidaram c/ peso adequado (IMC 18,5 a 24,9kg/m²) – 11,5kg á 16kg

Gestantes que engravidaram c/ sobrepeso (IMC 25 – 29,9kg/m²) – 7kg á 11,5kg

Gestantes que engravidaram c/ obesidade (IMC acima de 30kg/m²) – até 7kg

Então gravidinhas, aproveitem esse corpo lindo que a natureza nos deu a oportunidade de ter, pois nada mais lindo que gerar uma vida dentro de nós. Curtam o barrigão, porque depois dá saudades! :)

Até a próxima

Links relacionados: Atuação nutrição funcional na gestante 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *