Problemas na ATM podem afetar mastigação, fala e até a respiração

Fonte Caio Marengoni – Instituto RV Tratamento DTM Instituto RV

PROBLEMAS NA ATM PODEM AFETAR MASTIGAÇÃO, FALA E ATÉ A RESPIRAÇÃO

Instituto RV ajuda a identificar sintomas e indica tratamentos fisioterapêuticos

A articulação que liga a mandíbula ao crânio, chamada de ATM (articulação temporomandibular), exerce algumas funções vitais no nosso organismo. Segundo especialistas do Instituto RV, clínica especializada em fisioterapia, nutrição e pilates, ela tem papel importantíssimo na fala, na mastigação e até mesmo na respiração, e por isso, requer cuidados.

Unida também às articulações da coluna cervical e cintura escapular, a ATM precisa de sua simetria sempre constante. Sua distonia provoca distúrbios, que muitas vezes deixamos passar despercebidos, o que pode gerar diversos males.

Problemas na ATM, que chamamos de DTM (distúrbios temporomandibulares), geralmente se expressam na forma de estalidos ao abrir ou fechar a boca, dor ao mastigar, falar ou qualquer outra atividade em que se abra ou feche a boca”, conta o fisioterapeuta especializado em ATM e sócio do Instituto RV, Caio Marengoni. O especialista também cita, entre outros sintomas, cansaço ao realizar qualquer uma dessas atividades e dores na cabeça, pescoço, olhos, e até nos dentes.

É muito comum as pessoas confundirem a DTM com outros males, pois a região onde a articulação está é sensível, e facilmente podem ocorrer dores difusas; é aí que geralmente ocorrem os maiores problemas. “Um quadro não tratado de DTM pode gerar incapacidade; em casos extremos sem tratamento, o indivíduo pode perder a função da ATM, ou seja, não conseguir abrir nem fechar a boca, o que influencia diretamente na alimentação, na fala e parcialmente a respiração”, alerta Marengoni.

Entretanto, também é comum o indivíduo ter um problema dentário e, em um futuro próximo, desencadear dor na ATM. Alguns estudos apontam a ligação direta de músculos orofaciais com os dentes; dessa forma, se você apresentar problema em determinado músculo, poderá ter dor no dente correspondente.

Por esse motivo, os distúrbios na ATM geralmente requerem um tratamento multidisciplinar, que envolve a orientação de um bucomaxilo, fisioterapia, odontologia, fonoaudiologia e, em alguns casos, até psicoterapia.

 

Fique atento aos principais sintomas de um distúrbio na ATM:

 

– estalidos ao abrir ou fechar a boca;

– dor ao mastigar ou falar;

– creptação óssea;

– dor cervical;

– dor difusa na face;

– zumbido no ouvido;

– cansaço para mastigar;

– desvio na abertura da boca;

– oclusão.

 

O tratamento na fisioterapia

O tratamento fisioterapêutico basicamente se dá pelo relaxamento da musculatura orofacial, diminuição e controle do processo inflamatório, melhora da mecânica articular, correção dos desequilíbrios musculares e correção postural.

No entanto, ainda é comum que uma pessoa com sintomas de DTM chegue ao fisioterapeuta como última opção de tratamento. Na opinião de Marengoni, isso se dá pela falta de conhecimento do problema, além do pequeno número de profissionais especializados nessa área ainda no Brasil.

Apesar do tratamento muitas vezes necessitar de acompanhamento multidisciplinar, o especialista cita, como exemplo de um caso de melhora pela fisioterapia, o caso de um paciente de 20 anos, que apresentava zumbido no ouvido há meses. “Em três sessões, controlando o processo inflamatório na região e melhorando a mecânica articular, ele já não ouvia mais o barulho que tanto o incomodava, e até quis parar o tratamento. Os zumbidos haviam sumido”, finaliza ele.

Links relacionados: Tratamento da DTM 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *