Diferença na pisada para corredores de rua

Durante uma corrida, quando o pé atinge o solo, é estimada a aplicação de uma força de quase oito vezes a do nosso corpo. Imagine o impacto.

Uma aterissagem no solo com o retro pé sobrecarrega os joelhos, já com o antepé, os tornozelos são impactados. Para tentar amenizar possíveis estragos, principalmente para um corredor de rua, a pisada com o médio pé melhoraria a absorção do impacto pelo corpo, diminuindo riscos de lesões.

Mas cuidado: controlar a pisada pode ser difícil, e a análise de um fisioterapeuta junto ao exame de baropodometria é fundamental, pois dessa forma ele poderá sugerir mudanças mais específicas, que ajudem a retirar a sobrecarga indesejada caso a caso.

Cada corredor tem uma característica, e existe um período de 4 a 6 meses para adaptar-se a uma mudança no padrão de corrida, que deve ser acompanhada por um preparador físico ou fisioterapeuta esportivo, para que não ocorram lesões.

Palmilhas mecânicas, biomecânicas e estruturais podem ajudar nessa transição também. Conhecer todas as características do seu pé e da sua pisada por meio do exame de baropodometria ajuda também o corredor a escolher o tênis ideal para sua prática esportiva. Escolher um bom tênis não deve ser encarado como um gasto, mas investimento no esporte, no seu bem estar e na sua saúde.

Baropodometria em Alphaville
Palmilhas em Alphaville

O Instituto RV realiza exames de baropodometria  em Alphaville e confecção de palmilhas. Leia mais em www.institutorv.com.br/baropodometria e entre em contato para agendar um exame!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *