São Paulo
(11) 2091-1267
Demais Localidades
0800-494-8888

Destrave-se! a vida esta no movimento.

Dor Anterior do Joelho

dor anterior do joelho é uma deficiência comum que afeta um em cada quatro indivíduos da população em geral em atividades e baixo impacto como caminhar, correr, saltar, subir escadas, sentar por um período prolongado e agachar.

É também a lesão mais comum causada por overusse no membro inferior. Por ano mais de 2,5 milhões de corredores são diagnosticados com dor no joelho.

As lesões não traumáticas, sem histórico de entorses ou “traumas” são bem comuns, e normalmente estão ligadas à fraqueza (ou falta de equilíbrio) da musculatura do membro inferior, sobretudo o dos músculos do quadril. As mais comuns são as Síndrome de dor Patelo-Femoral, as Condromalácias (lesão da cartilagem que recobre o joelho), Tendinites e Artroses.

Características da dor anterior do joelho

Ela é causada por uma variedade de fatores incluindo a mecânica anormal dos membros inferiores, fraqueza dos músculos do quadril e joelho, estreitamento das estruturas laterais, atividades físicas inadequadas com a capacidade física atual ou desarranjos intra-articulares que bloqueiam os movimentos de flexão e extensão.

A condição se desenvolve gradualmente e é caracterizada por uma dor difusa na área da patela. A dor é um fator significante pois ela irá alterar as funções e inibir a atividade muscular.

A chave para o sucesso da reabilitação das dores do joelho é identificar a causa da dor. Veja quantas alterações podem influenciar no funcionamento do joelho e gerar dor:

Dores no Joelho

A boa notícia é que o tratamento conservador, quando bem executado, é muito efetivo na grande maioria dos casos!

Tratamento para dor anterior do joelho

Vários estudos tem demonstrado que os exercícios terapêuticos devem variar de acordo com a disfunção que o paciente apresenta e que a fisioterapia deve ser a primeira escolha de tratamento para alívio da dor.

O fisioterapeuta deve ser capaz de fazer uma avaliação criteriosa e identificar as alterações que podem estar gerando a dor. Testes clínicos e funcionais devem ser feitos para identificar e mapear todas os fatores demonstrados na figura acima e o fisioterapeuta experiente saberá determinar o tratamento correto para as diferentes causas, usando recursos para cada sub-grupo:

  • Restauração da mecânica articular (muitos pacientes possuem bloqueios de movimento)
  • Fortalecimento dos músculos do quadril e coxa
  • Exercícios de controle motor dinâmico
  • Utilização de palmilhas proprioceptivas que melhoram o funcionamento dos membros inferiores.

É importante entender que grande parte dos casos onde não há melhora dos sintomas com a fisioterapia é porque a abordagem não foi correta. 

O Tratamento deve ser feito de forma ativa e choquinhos, infravermelho e outros aparelhos “passivos” são ineficazes no tratamento da dor do joelho.

CENTRAL DE ATENDIMENTO

Choquinhos, infravermelho e outros aparelhos são ineficazes no combate a DOR NO JOELHO

Proposta de Tratamento do Instituto RV

O tratamento na maioria dos casos é conservador com medicação e fisioterapia feita através de exercícios específicos.

A fisioterapia tem que inicialmente focar no alívio da dor e depois no restabelecimento da função articular e muscular. Recentemente vários estudos mostram a importância da utilização de exercícios específicos para restruturação da função e alívio da dor do joelho.

Em todas as unidades do Instituto RV são utilizados diversas modalidades de recursos terapeuticos para o tratamento da epicondilite. Entre os recursos utilizados estão:

  • Exercícios específicos para abolição dos sintomas
  • Técnicas de Terapia Manual 
  • Exercícios proprioceptivos para restauração da função e retorno as atividades
  • Exercícios de controle motor para estabilização do joelho
  • Exercícios de recuperação da função e retorno ao esporte

No Instituto RV as sessões de fisioterapia são feitas individualmente o que aumenta a eficácia do tratamento e reduz o número de sessões.